Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Green Ideas

Green Ideas

Sentada no banco do meu jardim

15.09.20 | Ana D.

Sentada no banco do meu jardim.jpg

Sentada no banco do meu jardim,
sinto uma tristeza sem fim.
Com tudo o que tenho,
sobrou tão pouco de mim.

Lembro-me com precisão
de uma menina com coração,
sonhos e ilusão
que se fez mulher,
ainda sem saber,
que muito iria perder!

Num caminho sem tréguas,
percorreu léguas, 
sem poder parar,
sequer, para descansar.

E nesse seu caminho,
Tantas vezes frio,
Tantas vezes vazio,
Muito foi sofrendo,
Muito foi perdendo.

Mas das lágrimas e sofrimento
não guarda ressentimento.
E apesar de tanta tristeza,
seus olhos guardam a beleza
e o seu sorriso, a imensidão
do seu coração!

2 comentários

Comentar post